Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

a herança do vazio

Blogue de pensamentos, acontecimentos e experiências.

a herança do vazio

Blogue de pensamentos, acontecimentos e experiências.

12
Jul18

Fomos a Madrid e a Segóvia; peripécias

m.

Olhem só mesmo eu para começar a correr assim que vejo uma estátua de um dos meus pintores que sempre quis conhecer as suas obras originais, as réplicas essas já as tenho, obrigado.

Diego Velázquez, sabia que no Museu do Prado, havia uma porta Velázquez, e andava à procura, quando a encontrei, delirei. assim mesmo, eufórica e excitada como uma criança numa noite de Natal, e pedi ao nosso guia a nossa bandeira, porque hoje estávamos em Espanha mas também a pensarmos em Portugal e saco do telemóvel e peço para nos tirarem a foto,  a mim à bandeira e ao pintor, ao qual cortaram a cabeça, pânico, assim que vi a foto só queria voltar para trás e voltar a pedir a alguém que soubesse mesmo tirar fotos, para a repetirmos, mas não houve tempo, o restante grupo já se estava a afastar e tive de correr em plenas "calles de Madrid" atrás do guia para lhe devolver a bandeira. Só eu, felizmente alguém tirou uma foto como deve de ser, mas só a vi passado uns dias. Obrigado J.

O resto do tempo portei-me como uma pessoa normalita, sem correr a tirar objectos ás pessoas, excepto no domingo de manhã, emoção de estar no estádio do CR, foi superada por poses estranhas a ouvir os hinos das celebrações, ao pé das taças, será que existe outro clube com tantas ou mais taças de todos os tamanho, feitios e importância. Mas foi uma emoção controlada, pena que entretanto o CR tenha saído, por motivos que nem quero opinar.

Em Segóvia a única peripécia, foi, ver um manequim e dar-lhe o braço....okay sol a mais dá nisto. Felizmente poucas pessoas viram, mas há provas.....